Férias de julho: destinos para curtir frio com as crianças

O inverno na América do Sul vai de junho a agosto e oferece uma excelente oportunidade de se aproveitar as férias escolares do meio do ano letivo para curtir um friozinho com a garotada em cidades brasileiras ou países vizinhos. Veja algumas sugestões de locais para fugir do verão amazônico, que começa em julho.

Bariloche, a queridinha dos brasileiros

Destino de inverno preferido dos brasileiros,  a cidade tem arquitetura alpina, estações de esqui e muito agito. De julho a agosto é o período da alta temporada, os preços estão mais salgados, mas Bariloche está no auge, com neve que faz lotar as estações de esqui.

Bariloche é conhecida como "Brasiloche" tal a quantidade de turistas brasileiros.

Bariloche é conhecida como “Brasiloche” tal a quantidade de turistas brasileiros. Foto: Reprodução

O azul intenso das águas do lago Nauhel Huapi, que cerca Bariloche.

O azul intenso das águas do lago Nauhel Huapi, que cerca Bariloche.

Principais atrações

Cerro Catedral: É o maior complexo de esqui da América do Sul. Tem mais de 103 km de pistas de esqui, no meio de um parque de 600 hectares. Tem lojas, restaurantes, escolas de esqui e café.

Cerro Otto: Fica a 5 km do centro cívico da cidade de Bariloche. O complexo Teleférico Cerro Otto está localizado em um bonito parque de 25.000 m². Gôndolas panorâmicas totalmente fechadas levam para o topo, onde fica a única confeitaria giratória da América do Sul. Há um pequeno museu, discoteca, pista de trenós, escalada, trecking, mountain bike ou rapel.

Cerro Campanário: Acesso por teleférico de cadeirinhas. Fica a 1.050 m de altura e oferece uma vista que é considerada a mais bonita de Bariloche.

O teleférico que leva ao Cerro Campanário.

O teleférico que leva ao Cerro Campanário. No inverno, o verde intenso das árvores fica coberto pela neve.

Bosque de Arrayanes: É preciso ir para a Villa La Angostura (70 Km de Bariloche), cidade charmosa, cheia de lojinhas e restaurantes, de onde saem os barcos com destino ao famoso bosque, declarado  monumento natural mundial. O Bosque de Arrayanes é apontado como a fonte de  inspiração para Walt Disney fazer o filme “Bambi”.

Centro cívico: Monumento Histórico Nacional, seus edifícios em estilo medieval estão localizados em torno de uma pequena praça. Inaugurado em 1934, é onde se concentram a Prefeitura, a Secretaria Municipal de Turismo, Polícia Local, Museu da Patagônia e Biblioteca Sarmiento. No local também é possível tirar fotos com os famosos cães São Bernardo.

Calle Mitre: É o “point” da cidade, com lojas de artigos de inverno, chocolates, artesanato e restaurantes.

 

Serras gaúchas, o charme de Gramado e Canela

As cidades das serras gaúchas são excelentes destinos de férias, principalmente para quem viaja com crianças. Também se destacam como destinos românticos, graças ao clima frio e a infraestrutura gastronômica e de hotelaria. Além das cidades de Gramado e Canela, pode-se visitar ou ficar hospedado no Vale dos Vinhedos, em pousadas localizadas nas vinícolas ou em cidades como Bento Gonçalves.

Gramado

Gramado é o terceiro destino turístico mais desejado do Brasil. A cidade encanta com suas ruas floridas, com os detalhes da arquitetura de influência alemã e suíça, a gastronomia variada e as boas opções de compra. Está localizada a 115km de Porto Alegre.

Principais atrações turísticas

Pórticos: São dois. Na entrada da via Nova Petropólis é no estilo bávaro e na entrada da via Taquara, em estilo normando.

Pórtico em estilo bávaro, via Nova Petrópolis

Pórtico em estilo bávaro, via Nova Petrópolis

Igreja de São Pedro: Inaugurada em 1942, tem estrutura montada em pedra basáltica e exibe arte nos vitrais com imagens sacras. A torre tem 46 metros de altura.

Palácio dos Festivais – Cine Embaixador: é a 
sede de exibição dos filmes que concorrem no Festival de Cinema de Gramado. No período do evento, recebe artistas consagrados dos mais distintos lugares do mundo e lança no mercado filmes de curta, média e longa metragem.

Rua Coberta: liga a Av. Borges de Medeiros e a Rua Garibaldi e é mais uma ótima alternativa em compras e gastronomia para o turista, principalmente em dias de chuva.

Parque Knorr – Aldeia do Papai Noel: É um local de encanto e magia, onde se encontram a Árvore dos Desejos, o Chalé dos Ursos, Fábrica de Brinquedos, além da primeira casa da região em estilo bávaro, datada de 1940, toda decorada com motivos natalinos, onde hoje mora o Papai Noel. Dentro do parque está o mirante de onde pode ser apreciada a melhor vista do Vale do Quilombo.

Lago Negro:  As árvores que margeiam o lago foram importadas da Floresta Negra da Alemanha, daí a origem do nome Lago Negro. Suas águas são profundas e de um verde escuro e a maior atração é andar de pedalinho no lago. Por toda sua margem existe um passeio florido, podendo-se andar a pé ou de bicicleta.

A beleza do Lago Negro pode ser apreciada nos passeios de pedalinho.

A beleza do Lago Negro pode ser apreciada nos passeios de pedalinho.

Mini-mundo: Criado pela família Höppner em 1981, representa a fantasia de uma cidade em miniatura, ao estilo Legoland, da Dinamarca.

 

Canela

A cidade de Canela é conhecida internacionalmente por sua beleza, sua fauna e flora e pelos eventos que abriga no decorrer do ano. Está a 7km de Gramado.

O trem na fachada do Mundo a Vapor, parada obrigatória para fotos.

O trem na fachada do Mundo a Vapor, parada obrigatória para fotos. Foto: Reprodução

Principais atrações turísticas:

Mundo a vapor: Você irá se encantar com as miniaturas de processos indústrias, como a fabricação de papel, de telhas e tijolos, além de outras atrações.

Parque do Caracol: Com uma queda d’água de 131 metros, a Cascata do Caracol é o ponto turístico mais visitado do Estado. Encontra-se no interior do parque, onde é possível chegar a base da cascata descendo uma passarela ecológica com 690 degraus.

A Cascata do Caracol é uma das atrações mais visitadas de Canela.

A Cascata do Caracol é uma das atrações mais visitadas de Canela. Foto: Reprodução

Parque da Ferradura: é o lugar ideal para aqueles que buscam integração com a natureza. Oferece uma bela panorâmica dos canyons.

Catedral de Pedra:  A Catedral Nossa Senhora de Lourdes encontra-se no centro de Canela. É construída em estilo gótico inglês e possui uma torre de 65 metros de altura.

Catedral de Pedra, cartão postal da cidade de Canela.

Catedral de Pedra, cartão postal da cidade de Canela. Foto: Reprodução

 

Campos do Jordão, o point dos paulistas no inverno

Campos do Jordão é o destino de inverno dos paulistas e mineiros. Oferece inúmeras opções de passeios, hospedagem, lazer, compras, gastronomia e entretenimento. De São Paulo a Campos do Jordão distância é de 167 km, cerca de 2h30 de carro, pela rodovia Carvalho Pinto.

Principais atrações turísticas:

Ducha de Prata: Em meio à natureza exuberante da serra, no bairro Vila Inglesa, a Ducha de Prata é formada por várias duchas artificiais. Também oferece barraquinhas com produtos artesanais e souvenirs e tirolesa.

Lojinhas de artesanato na Ducha de Prata, na Vila Inglesa.

Lojinhas de artesanato na Ducha de Prata, na Vila Inglesa.

Vila Capivari: Centro Turístico com prédios construídos com arquitetura européia, é onde se concentram lojas, restaurantes, barzinhos e pousadas para atender os mais diferentes gostos. Tem muitas lojas que vendem malhas e artigos em lã, chocolates caseiros, artesanato e a tradicional cerveja artesanal.

O agito da Vila Capivari, cheia e bares, restaurantes e lojas.

O agito da Vila Capivari, cheia e bares, restaurantes e lojas.

Palácio Boa Vista: Construída para servir como casa de veraneio do Governador do Estado, é aberta para visitação em determinadas épocas do ano.

Palácio do Governo, hoje aberto à visitação.

Palácio Boa Vista, hoje aberto à visitação.

Café/Bar próximo ao Palácio do Governo com vista panorâmica.

Café/Bar próximo ao Palácio Boa Vista com vista panorâmica.

Morro do Elefante: É um dos pontos turísticos mais visitados da cidade, que pode ser acessado por teleférico que sai da Vila Capivari ou pela estrada. O cume do Morro do Elefante alcança a altitude de 1.800 metros acima do nível do mar, oferecendo visão panorâmica da cidade. Tem várias barraquinhas de artesanato.

Pico do Itapeva: Uma das vistas mais privilegiadas da Serra da Mantiqueira podem ser apreciadas do Pico do Itapeva.Do alto de seus 2.030 m de altitude, é possível avistar 15 cidades do Vale do Paraíba. Fica localizado no território da cidade de Pindamonhangaba, mas seu único acesso é pela estrada de asfalto que sai de Campos do Jordão. Oferece a oportunidade para se comprar doces, artesanatos e roupas em lã e malhas, luvas a preços mais baixos.

Área Central do Pico do Itapeva, de onde é possível avistar 13 cidades.

Área Central do Pico do Itapeva, de onde é possível avistar 15 cidades.

 

Monte Verde, turismo ecológico na Serra da Mantiqueira

Considerada a ‘Suiça mineira’, a pequena Monte Verde é um distrito da cidade de Camanducaia e fica ao sul de Minas Gerais, no alto da Serra da Mantiqueira, a 170 km de São Paulo.

Durante o inverno a temperatura pode ficar negativa, chegando até -10 graus. Com suas construções em estilo europeu, a pequena vila é excelente para passear e descansar, proporcionando contato com a natureza, com suas montanhas, cachoeiras e picos. Há muitas trilhas e passeios a cavalo, moto, bicicleta, jipe, quadriciclo, além de esportes radicais.

Monte Verde tem uma boa infraestrutura hoteleira e oferece uma variedade de restaurantes, que vão da comida mineira ao fondue, especialidade suíça, e lojas de chocolates, queijos, embutidos, malharia e artesanatos.

A beleza das construções dão charme a Monte Verde.

A rede hoteleira de Monte Verde é variada, com belas construções.

Principais atrações turísticas:

Cachoeira dos Pretos: Com mais de 170 metros de altura, é um espetáculo. Para chegar nela, o ideal é ir de moto ou carro, porque fica um pouco distante da cidade.

Corredeira do Itapuá: Oferece uma trilha fácil e gostosa de se fazer. Até a aFazenda Hotel Itapuá, onde se encontram as corredeiras, o percurso de 3km deve ser feito de carro ou a cavalo. Chegando lá, visite o Restaurante Fazenda, com sua boa comida, bela decoração belíssima e que tem como atração os beija-flores. São tantos, que o local recebeu o apelido de Casa dos Beija-Flores.

Pedra Partida (2.050 m) – Pedra Redonda (1.990 m) – Chapéu do Bispo (2.030 m): Estas pedras estão situadas bem próximas uma das outras e oferecem excelentes oportunidades para trilhas.

Pedra Redonda é destino de uma das trilhas, que são o forte do turismo ecológico de Monte Verde.

Pedra Redonda é destino de uma das trilhas, que são o forte do turismo ecológico de Monte Verde. Foto: Reprodução

Pico do Selado: É um dos picos mais altos do Brasil. São 2.083 metros de altitude. Do Platô, pode-se ver mais de cinco cidades do Vale do Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *