Terreno na Redenção está infestado de caramujos africanos, que podem transmitir doenças

Com o início do período das chuvas, eis que surge a necessidade da atenção para o problema da proliferação do caramujo africano. No bairro da Redenção, rua Cubatão, na altura do nº 1500 há um terreno baldio infestado de caramujos. Peço ajuda para chamar a atenção das autoridades competentes. Temos mantido o foco no mosquito da dengue e esquecido dos potenciais causadores de outras doenças.

 

Fabrício Carvalho

4 comentários para “Terreno na Redenção está infestado de caramujos africanos, que podem transmitir doenças

  1. roberto disse:

    Assim como na Redenção o Condominio João Bosco na Torquato Tapajós esta sendo tomado pelo mato. A falta de limpeza pública é evidente . E olha que pagamos por ela. Sem falar que o mato também auxilia no aparecimento de criadouros de mosquitos.Alo Prefeitura de Manaus. Precisamos de socorro.

  2. jorge disse:

    Assim como no terreno situado na Redenção e Condominio João Bosco, sito também o do Ministério Publico localizado na Av. André Araújo entre a TV Rio Negro e Rede Calderaro.

  3. Monique disse:

    No Conjunto Oriental, rua 3 existem vários terrenos abandonados, cheios de mato alto, mosquitos e sujeira. Os donos do terreno numa aparecem para fazer uma limpeza, prejudicando as pessoas que moram perto.
    Multas seriam uma forma de forçar tais proprietários a cuidar melhor desses locais.

  4. IVO EDUARDO MARTINS disse:

    Criei um produto que extermina definitivamente com as pragas. O produto não contamina o solo, não mata vegetação e é atóxico para animais domésticos e fauna. Não precisa ficar fazendo catação e as cascas ficam com película do produto que tem por fim impedir que o mosquito se reproduza no mesmo.
    Em minha casa, no RJ haviam mais de 6 mil e exterminei com eles em apenas 2 semanas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook