Vereador foragido que teria falsificado documento se entrega à polícia em Coari

O vereador Aldervan Cordovil é acusado de ter apresentado um comprovante de pagamento forjado relativo a uma fiança de R$ 17 mil reais. Foto: Divulgação

Por Gabriel Machado

O advogado e vereador de Coari, Aldervan Souza Cordovil, que estava foragido da polícia desde segunda-feira (27/03), entregou-se às autoridades na noite de terça-feira (28/03), informou o delegado do município, Mauro Araújo. O suspeito é acusado de ter apresentado um comprovante de pagamento forjado relativo a uma fiança de R$ 17 mil reais, arbitrada em favor do também vereador Márcio Silva de Almeida.

Aldervan compareceu à delegacia de Coari por volta das 22h50 de terça-feira (28), na companhia de dois advogados. Segundo informações, o vereador teria assinado o mandado de prisão preventiva e sido encaminhado à prisão. O suspeito permanece em cela especial nas dependências da delegacia do município em razão de exercer, também, a função de advogado.

De acordo com a polícia, a razão para Aldervan ter se apresentado somente à noite – conforme o próprio suspeito – era para não chamar a atenção de populares, já que havia sido muito exposto por conta do caso de estelionato no inquérito policial. O infrator deverá realizar nesta quarta-feira (29) o exame de corpo e delito.

Segundo Mauro Araújo, ainda, a polícia apreendeu durante as buscas ao vereador duas espingardas calibre 28, de propriedade do pai de Aldervan e de um caseiro. Os dois foram levados à delegacia e instaurado um inquérito policial contra os dois.

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook