Sete bandas vão se apresentar no primeiro dia de seletiva do Pop Rock Manaus

Os shows terão início a partir das 19h50 e a entrada será gratuita ao público até às 23h. Foto: Divulgação

O primeiro dia da Seleção de Banda Pop Rock Manaus levará ao palco do Porão do Alemão, na zona Oeste, nesta quinta-feira (06/04), sete bandas com diferentes influências musicais. Cada banda deverá apresentar três músicas, sendo pelo menos duas autorais. Os shows terão início a partir das 19h50 e a entrada será gratuita ao público até às 23h.

Com 20 anos de estrada, a Banda Essence será a primeira a subir no palco. Músico da banda, Daniel Lima contou que a expectativa é grande para a apresentação. “Nosso sonho é expandir nosso trabalho autoral. Temos oito CDs gravados, um DVD gravado no Teatro Amazonas e estamos preparando um álbum novo, todo com faixas inéditas. Participar desse processo é uma grande experiência para a banda que sempre está presente nos festivais”, comentou.

Bella Queiroz, a segunda artista da noite a se apresentar, conta que mostrará no palco suas influências musicais que passam pela bossa nova, pop rock, black music, rythm and blues e jazz. “Tenho 19 anos de carreira e já participei de outros projetos de intercâmbio, mas não da magnitude deste, que tem uma grande projeção nacional. Espero que as pessoas curtam o meu som. Até agora vem dando tudo certo”, destacou.

Com sua carreira iniciada como ‘Cover Beatles’, Rafael Marques também se apresentará no primeiro dia da seletiva.  Desde 2014 fazendo música autoral, o rock é o carro chefe do artista que começou na música tocando piano. “Não dava para eu levar o piano para todos os lugares, então aprendi a tocar violão. Faço shows em Manaus e em São Paulo e meu maior público em um show foi em 2012, na Ponta Negra. Meu foco hoje em dia são minhas músicas próprias. Graças a Deus, meus sonhos e objetivos consegui tocando cover”.

Samba Rock e Instrumental

Transitando na cena musical de São Paulo e de Manaus, a cantora Márcia Novo será a quarta concorrente da noite. A artista anunciou que apresentará ao público três músicas autorais, com sua pegada regional. “Independentemente de qual seja o festival, ele irá trazer visibilidade ao artista que está concorrendo. E para mim, que estou nesse eixo Manaus-São Paulo, é muito importante, pois festivais de grande expressão dão uma grande bagagem ao artista e é nisso que estou acreditando”.

Já os integrantes da banda República Popular prometem uma apresentação que vai do samba rock ao xote. “Cada membro da banda traz sua vertente e aí juntamos as referências musicais de todos. Dessa forma, passamos pelo samba-rock, xote, rock alternativo. Nossa banda nasceu no Ensino Médio, a turma gostou e seguimos em frente”, contou Viktor Judah.

O instrumental da Selva Madre também tem espaço garantido no primeiro dia. Agostinho Guerreiro, guitarrista da banda, afirmou que a guitarrada amazonense será um dos destaques da apresentação da banda. “A Selva Madre surgiu dos fragmentos de outras bandas em uma brincadeira de estúdio. Não formamos uma banda que canta; quem canta é a guitarra. Somos uma mistura de várias influências, entre elas o rock, porém, sempre mantendo o regional”, frisou.

Com sete anos de carreira e vinda de uma recente turnê nacional, a banda Luneta Mágica fechará a primeira noite de seleção. Segundo Erick Omena, vocalista da banda, a turnê durou 40 dias e passou por 20 cidades. “A música brasileira é nossa influência, coisas do cotidiano, como Mutantes, Caetano Veloso, Clube da Esquina. A banda já teve milhões de formações e tem esse nome por conta do livro que é um marco do realismo fantástico do Brasil e representa bem o que a nossa música quer: propor uma nova perspectiva de ver as coisas” destacou.

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook