Aades abre processo seletivo com 95 vagas para os projetos Barco Pai e Rede Mulher

A Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico e Social  (Aades) publicou quarta-feira (12/04), no Diário Oficial do Estado (DOE), os editais nº028/2017 e nº029/2017, com 95 vagas para contratação temporária de profissionais para atuarem nos projetos Barco Pai e Rede Mulher, que serão executados em parceria com a Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc).

As inscrições para os Processos Seletivos Simplificados são gratuitas e serão realizadas a partir da meia noite do dia 17 de abril até às 23h59min do dia 19 de abril, através do site: www.aades.am.gov.br.

Acesse os Editais:

Projeto de Apoio Operacional as Ações de Atendimento Itinerante “BARCO PAI”  – Edital nº 028/2017

Projeto de Apoio as Ações de Enfrentamento à Violência contra a Mulher – REDE MULHER – Edital nº 029/2017

No projeto Barco Pai (Edital nº028/2017) são oferecidas 57 vagas para o nível médio e superior. As funções de nível superior são para Assistente Social  Itinerante Rural (03 vagas) com salário de R$2.500,00. Para o nível médio, a edital oferta 54 vagas para Assistente Administrativo Itinerante, sendo 6 vagas para pessoa com deficiência, com salário de R$1.700,00.

Já o projeto Rede Mulher (Edital nº029/2017) oferece 38 vagas para as funções de nível fundamental, médio e superior. As funções de nível superior são: Assistente Social, (08 vagas), sendo 01 vaga para pessoa com deficiência, pedagogo (01 vaga); Psicólogo (6 vagas), sendo 1 vaga para pessoa com deficiência, com salários de R$1.761,00 a R$2.200,00. Já para a função de Nível Médio são: Assistente Administrativo (05 vagas), Educador Social (13 vagas), sendo 2 vagas para pessoa com deficiência e Motorista (02 vagas) com salários de R$1.262,00 a R$1.400,00 e para a função de nível fundamental é ofertado à função de Auxiliar de Serviços Gerais (3 vagas), com salário de R$937,00.

 

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook