Cheia: Manaus entra em “Situação de Alerta” e mais 20 municípios estão em “Situação de Emergência”

Urucurituba entrou na lista de “Situação de Alerta”. Foto: Defesa Civil/Divulgação

Manaus entrou na lista de “Situação de Alerta” por causa da enchente, com mais quatro cidades das calhas do Madeira e Negro. Além disso, vinte municípios das calhas do Médio Solimões e Médio Amazonas entraram na lista de “Situação de Emergência” da Defesa Civil do Amazonas, nesta sexta-feira (28/04). O órgão também analisa decretos de Emergência de pelo menos quatro municípios afetados pela enchente.

“O desastre está evoluindo gradualmente e a Defesa Civil do Estado, que está trabalhando na minimização dos impactos, enviará técnicos para as calhas mais prejudicadas no intuito de avaliar os possíveis danos e agilizar o processo de decretação de Emergência caso seja necessário”, disse o Secretário Executivo da Defesa Civil do Amazonas, coronel Fernando Pires Júnior.

Situação de Alerta

Em Alerta entraram Jutaí, Coari, Fonte Boa, Uarini, Alvarães, Tefé, Codajás, Manacapuru, Iranduba, Anori, Maraã, Careiro Castanho,  Anamã e Manaquiri todos na calha do Médio Solimões. Da calha do Médio Amazonas foram incluídos Itacoatiara, Autazes, Silves, Itapiranga, Urucurituba, e ainda, Careiro da Várzea localizado na calha do Amazonas.

No caso de Envira, na calha do Juruá, que estava em Situação de Alerta, o nível do rio voltou ao normal e o município saiu da lista de enchente do órgão.

Situação de Atenção

Passaram a integrar a lista de Atenção Borba e Nova Olinda do Norte localizados no Baixo Madeira e na calha do Negro, Novo Airão e Manaus.

Análise de decretos

Benjamin Constant e Atalaia do Norte no Alto Solimões, Caapiranga, localizado no Baixo Solimões e Juruá, na calha do Juruá, decretaram Situação de Emergência por conta da enchente, mas os processos estão em análise na Defesa Civil AM. 

Visita Anamã

Técnicos da Defesa Civil AM serão deslocados nos próximos dias para a cidade de Anamã, na calha do Médio Amazonas, para analisar os impactos da enchente, as ações de resposta à população e ainda a documentação para processo do decreto de Emergência, se for o caso. 

 

BALANÇO ENCHENTE / 2017

*SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

(Famílias afetadas nos 06 municípios em Emergência: 10.530)

1 – Guajará (calha do Juruá)

2 – Ipixuna (calha do Juruá)

3- Eirunepé (calha do Juruá)

4 – Itamarati (calha do Juruá)

5- Carauari (calha do Juruá)

6- Canutama (Purus)

 

Obs: Decretação pelo município, em fase de análise pela Defesa Civil do Estado.

7- Benjamin Constant (Alto Solimões) novo

8- Atalaia do Norte (Alto Solimões) novo

9- Caapiranga (Baixo Solimões) novo

10- Juruá (Juruá) novo

 

*SITUAÇÃO DE ALERTA

1-Tabatinga (calha do Solimões)

2- São Paulo de Olivença (calha do Solimões)

3- Amaturá (calha do Solimões)

4- Santo Antônio do Iça (calha do Solimões)

5- Tonantins (calha do Solimões)

6- Parintins (calha do Baixo Amazonas)

7- Barreirinha (calha do Baixo Amazonas)

8- Nhamundá (calha do Baixo Amazonas)

9- Urucará (calha do Baixo Amazonas)

10- Boa Vista do Ramos (calha do Baixo Amazonas)

11- Maués (calha do Baixo Amazonas)

12-São Sebastião do Uatumã (calha do Baixo Amazonas)

13- Jutaí (calha do Médio Solimões)  novo

14- Coari (calha do Médio Solimões) novo

15- Fonte Boa (calha do Médio Solimões)  novo

16- Uarini (calha do Médio Solimões)  novo

17- Alvarães (calha do Médio Solimões)  novo

18-Tefé (calha do Médio Solimões) novo

19-Codajás (calha do Médio Solimões) novo

20-Manacapuru (calha do Médio Solimões) novo

21-Iranduba (calha do Médio Solimões) novo

22-Anori (calha do Médio Solimões) novo

23-Anamã (calha do Médio Solimões) novo

24-Manaquiri (calha do Médio Solimões) novo

25- Itacoatiara (calha do Médio Amazonas) novo

26- Autazes (calha do Médio Amazonas) novo

27-Silves (calha do Médio Amazonas) novo

28- Itapiranga (calha do Médio Amazonas) novo

29-Urucurituba (calha do Médio Amazonas) novo

30- Maraã (Médio Solimões) novo

31- Careiro da Várzea (Amazonas) novo

32- Careiro Castanho (Médio Solimões) novo

 

*SITUAÇÃO DE ATENÇÃO

1- Manaus- (Negro) novo

2- Novo Airão- (Negro) novo

3- Borba (Baixo Madeira) novo

4- Nova Olinda do Norte (Baixo Madeira) novo

 

*SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA “DESLIZAMENTO DE TERRA”

1- Manacapuru (calha do Baixo Solimões)  –Status: Atendido

2- Tefé (calha do Médio Solimões) – Status: Atendido

 

Famílias afetadas: 121

 

Veja também

Ortopedistas confirmam enfrentamento e anunciam ações em hospitais a partir deste sábado (25/11) Rafael Benoliel, presidente do ITO-AM, levanta troféu durante recente congresso da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) em Manaus. Entre ele e o médico Francisco Brandão, o presidente da SBOT-AM, Paulo Su. Ortopedistas querem "resgatar dignidade"Os o...
Amazonino efetiva Paula Kanzler no comando da Secretaria de Estado de Política Fundiária Paula Kanzler assume a pasta antes ocupada por Diego Afonso. Foto: ReproduçãoFoi publicada no Diário Oficial do Amazonas, edição de 17/11, a nomeação de Paula Andrea Kanzler Soares como titular da Secretaria de Estado de Política Fundiária (SPF). O Portal do Marcos Sant...
Governo fecha acordo com 17 cooperativas médicas, isola ITO-AM e médicos alfinetam gestão David Alme... Médicos e enfermeiros aceitaram parcelamento dos salários, que estão atrasados entre um e cinco mesesO Governo do Amazonas, em reunião realizada na tarde desta sexta (24/11), firmou acordo salarial com 17 cooperativas médicas. Vai pagar outubro, "o mês da atual gestão",...
Marinha chega ao naufrágio do barco Tanaka e constata que há dois desaparecidos. Buscas começam O barco Tanaka Neto IV virou com 102 passageiros a bordo. Fotos: Divulgação CMA A Marinha do Brasil, por intermédio do Comando do 9° Distrito Naval, informa que dois passageiros que estavam no barco Tanaka Neto IV estão desaparecidos. A embarcação virou  na manhã desta sex...
Barco adernou após bater em pedra com 102 passageiros a bordo Barco adernou, após sair de São Gabriel da CachoeiraAo deixar São Gabriel da Cachoeira, a embarcação Tanaka IV bateu em uma pedra e virou. O Município fica a 856 quilômetros de Manaus. O barco adernou quando estava a caminho da capital, na manhã desta sexta-feira (24/11...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook