Cassação de José Melo volta as atenções da Lava Jato para o Amazonas e haverá desdobramentos

O procurador-geral da República e seus homens vão aparecer por aqui

A cassação do mandato do governador José Melo tem vários desdobramentos. O primeiro deles pode ser visto na corrida louca que os possíveis candidatos estão empreendendo, em busca de apoio, na chamada “guerra com a espada embainhada”, isto é, as articulações de bastidores desenhadas pelo general chinês Sun Tzu. A outra consequência é voltar a atenção dos protagonistas da Operação Lava Jato para o Amazonas, uma vez que esse é o teatro político mais urgente do momento, a eleição mais próxima.

A opinião pública, ainda surpresa com a cassação, espera pelos resultados. A Lava Jato vale para o sim e para o não.

Eduardo Braga, por exemplo, a julgar pelo cenário do momento, só perde a eleição-tampão se as acusações de que recebeu propina na construção da Ponte Rio Negro e da Arena da Amazônia forem provadas. O outro acusado, o senador Omar Aziz, fica fora do foco atual por não poder se candidatar, mas com os olhos bem abertos em razão da eleição do ano que vem, quando, aí sim!, estará apto a concorrer.

Todos sabem que, se ganhar a eleição de agosto, Eduardo Braga não perde a próxima, em 2018.

A imprensa nacional, alvoroçada, busca entender o que está acontecendo no Amazonas. Os grandes veículos estão mandando correspondentes para cá e, como se trata de eleição única, vem aí uma cobertura como nunca se viu por aqui, sem concorrência de outros Estados. Prepare-se para se ver na tela da Globo todo dia.

Vai acelerar a Lava Jato. Maus Caminhos também. Se agora o Amazonas não for passado a limpo, nunca mais será.

Veja também

Manaus terá o maior Réveillon do Norte com festas em quatro pontos da cidade. Confira as atrações na... Consolidando-se como a cidade dos grandes eventos no Norte do País, Manaus realiza a maior festa de Réveillon da região para recepcionar o ano de 2018: quatro atrações nacionais e mais de 135 artistas locais se apresentarão nas zonas Norte, Sul, Leste e Oeste, prestigian...
EXCLUSIVO: Braga comenta Operação Custo Político, revela que concorrerá à reeleição e dá conselhos a... Braga comenta Operação Custo Político, que prendeu ex-secretários e empresáriosO senador Eduardo Braga afirma que os crimes apontados nas operações Maus Caminhos e Custo Político não atingem seus governos. Ele avisa: "O povo, bem ao mal, se informa e sabe quais são os c...
Polícia pede colaboração para localizar familiares de idosa deixada na delegacia A delegada Catarina Torres, titular da Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (Deops), solicita a colaboração de todos na divulgação da imagem de Verônica Pereira dos Santos, 81, deixada no prédio da Delegacia Geral no início da tarde desta quinta-feira (14/12)...
MPE-AM denuncia delegado que matou advogado. Ação é por homicídio triplamente qualificado Foto: ReproduçãoO Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM) denunciou o delegado Gustavo Sotero por homicídio triplamente qualificado. O acusado matou o advogado Wilson Justo Filho, no dia 25 de novembro, no Bar Porão do Alemão.Os tiros disparados pelo deleg...
Matrículas de novos alunos começam no dia 13 de janeiro. Confira o calendário da rede pública A secretária Kátia Schweickardt informou que a Semed terá disponíveis 47 mil novas vagas para a Educação Infantil e Ensino Fundamental. Foto: Semcom/Divulgação. O início das matrículas de novos alunos para 2018 na rede pública de ensino está marcado para o dia 13/1, confor...

4 comentários para “Cassação de José Melo volta as atenções da Lava Jato para o Amazonas e haverá desdobramentos

  1. Edinei disse:

    Fico pensando como existem pessoas cara de pau, esse Eduardo Braga é um deles! Como se não bastasse enviar recursos de emenda orçamentária para São Paulo, agora quer ser governador.

  2. Kleber Britto disse:

    Marcos Santos, qual o fator impeditivo, ao Sen. Omar em participar da eleição tampão?

    RESPOSTA
    Por que essa eleição tem as mesmas condições de 2014, ou seja, se disputa a sucessão de Omar Aziz, e ele não pode ser reeleito pela segunda vez.

  3. Terezinha de Souza Cruz. disse:

    Como retroceder, votando no Braga? Jamais! Se não aparecer ninguém lpo na política, a saída é votar no Serafim.

  4. Felipe Borges disse:

    Eduardo Braga é BANDIDO! O maior ladrão de todos os tempos vai pagar caro! Muito caro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *