Recém-nascidos devem fazer Teste do Pezinho até o 5º dia de vida

Em 2016, mais de 2,3 milhões de recém-nascidos fizeram o Teste do Pezinho em todo o país. Ele é capaz de indicar a existência de doenças genéticas, endocrinológicas e metabólicas que não apresentam evidências clínicas no nascimento. No Dia Nacional do Teste do Pezinho, celebrado hoje (6), o Ministério da Saúde recomenda que o sangue do recém-nascido seja coletado preferencialmente entre o 3º e o 5º dia de vida.

“Essa triagem serve para fazer a detecção precoce de doenças. O ideal é diagnosticá-las na fase pré-sintomática para que se possa fazer o tratamento e minimizar os danos à criança”, disse a pediatra e neonatologista do Departamento Científico de Neonatologia da Sociedade Brasileira de Pediatria, Silvana Salgado Nader.

Ela explica que a rede pública de saúde de cada estado disponibiliza os testes conforme sua prevalência de doença. “É importante que ele seja realmente feito, que as pessoas tenham consciência do exame, assim devem valorizar o serviço, buscar o resultado e apresentar ao médico”, disse Silvana.

O Sistema Único de Saúde (SUS) oferece o Teste do Pezinho para seis doenças: fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito, doença falciforme, fibrose cística, deficiência de biotinidase e hiperplasia adrenal congênita. Os testes feitos pelo SUS cobrem 76,91% dos nascidos vivos no Brasil. Em 2016, foram realizados 8.794.291 exames para identificar as doenças, a um custo de R$ 94,2 milhões.

O Ministério da Saúde ressalta que o SUS também garante atendimento com médicos especialistas para as seis doenças, tratamento adequado e o acompanhamento da criança com a doença por toda a vida nos serviços de referência em triagem neonatal existentes em todos os estados.

Desde 1992, o Teste do Pezinho se tornou obrigatório em todo o território nacional e hoje está previsto no Programa Nacional de Triagem Neonatal, adotado pelo Ministério da Saúde desde 2011. Pelo programa, o SUS disponibiliza acesso universal e integral às triagens, conhecidas como Teste do Pezinho, da Orelhinha, do Olhinho, da Linguinha e do Coraçãozinho.

 

Agência Brasil

 

Veja também

Mene, Kintaw e View 360 ganham R$ 44 milhões na licitação de publicidade do Estado As agências Mene e Portella Publicidade Ltda., Kintaw Design e Publicidade Ltda. e View 360 Publicidade e Comunicação Integrada Ltda foram as vencedoras do processo licitatório para prestação de serviços publicitários para o Governo do Amazonas. O valor total da licitaçã...
Defensoria promete dar apoio a servidores da PMM que deverão ser desligados, após decisão do TCE-AM... A Defensoria Pública quer garantir os direitos previdenciários dos cerca de 7 mil servidores temporários do município. Foto: Divulgação Mesmo após perder uma batalha, com o provável desligamento gradativo de aproximadamente 700 servidores públicos temporários do quadro da ...
Hospital Santa Julia tem selo de qualidade renovado  Segundo Edson Sarkis Junior, o Hospital Santa Julia é o único com Acreditação Organização Nacional de Acreditação (ONA) em serviços como hemodiálise e oncologia. Foto: DivulgaçãoO Hospital Santa Julia, o único da rede privada no Amazonas a realizar transplantes renais e...
Imprensa Oficial passa a adotar sistema que dá agilidade na tramitação de processos em órgãos públic... A Imprensa Oficial do Estado do Amazonas começou a utilizar o Sistema de Acompanhamento e Controle de Documentos na Web (SPROweb). A solução, desenvolvida pela empresa de Processamento de Dados Amazonas (PRODAM), permite aos órgãos estaduais o acompanhamento da localização v...
UEA inaugura primeira biblioteca com autoatendimento do Amazonas A Biblioteca está disponível para todos os alunos da Universidade e para a comunidade em geral. Foto: Eduardo Cavalcante/Secom.A Universidade do Estado do Amazonas (UEA) inaugurou o Novo Sistema de Autoatendimento e a nova Biblioteca da Escola Superior de Ciências da Sa...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *