Polícia Civil incinera 2,5 toneladas de drogas, entre maconha e cocaína, apreendidas entre abril e julho

Polícia Civil incinera nesta sexta 2,3 toneladas de maconha e 200 kg de cocaína, resultado das apreensões feitas pela segurança pública entre os meses de abril e julho. Foto: Erlon Rodrigues/ PC-AM

A Polícia Civil do Amazonas incinera nesta sexta-feira (11), 2 toneladas e meia de drogas, sendo 200 kg de cocaína e 2,3 t de maconha, resultado das apreensões do tráfico de entorpecentes entre os meses de abril e julho deste ano. A incineração é feita pela Divisão de Recebimento, Análise e Distribuição de Inquéritos e Termos Circunstanciados de Ocorrência e de Armazenamento de Material Apreendido (Drad).

O processo aconteceu nas instalações de uma empresa de produtos químicos e reciclagem, localizada na segunda etapa do bairro Distrito Industrial, zona Leste. O procedimento será acompanhado pelo delegado-geral, Frederico Mendes; pela delegada Leila Silva, diretora da Drad; e pelo delegado Paulo Mavignier, diretor do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc). Participam ainda os policiais civis lotados na Drad e Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera), a equipe de elite da instituição.

A diretora da Drad explicou que as drogas incineradas representam a somatória de quatro meses de apreensões, realizadas na capital e no interior, por todos os órgãos que compõem o sistema de Segurança Pública do Estado. “No último procedimento, realizado no dia 12 de abril deste ano, incineramos 3 toneladas de drogas. Agora estamos incinerando o acúmulo de quatro meses de apreensões, totalizando 2,5 toneladas”, informou a delegada Leila Silva.

O delegado-geral reforçou que a incineração só pode ser realizada após determinação judicial. Frederico Mendes ressaltou, também, a importância de ações preventivas de combate à criminalidade. “É um procedimento respaldado pela lei. As apreensões são resultado do trabalho que vem sendo feito de combate ao tráfico de drogas. São ações contínuas, que têm como objetivo a repressão à criminalidade no Estado”, enfatizou.

O delegado Paulo Mavignier disse que grande parte da droga que será incinerada até o final desta manhã é fruto de apreensões do Denarc. “Esse resultado representa a evolução das forças de segurança estaduais, mais especificamente o Denarc, que vem realizando contínuos trabalhos de repressão ao narcotráfico no Estado, compreendendo as rotas utilizadas para transportar as drogas, principalmente os rios do Amazonas. Isso realmente é um saldo muito positivo, pois contabilizamos mais de 1,3 tonelada de drogas apreendida somente pelas nossas equipes”, pontuou.

Veja também

SSP-AM inicia capacitação para uso de fuzis 762 pelas forças estaduais de segurança SSP-AM iniciou curso de capacitação de policiais Civil e Militar para o uso do fuzil 762, que foram cedidos pelo Exército. Foto: Divulgação SSP-AMA Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) iniciou um curso de capacitação de policiais Civis e Militares para o...
Polícia prende jovem com 2 kg de maconha do tipo skunk no São Raimundo Deina Antunes, 23, estava na travessa Presidente Dutra e durante revista na residência alvo de denúncia, polícia encontrou 2 kg de maconha tipo skunk. Foto: Divulgação PC-AMDeina da Silva Antunes, 23, foi preso nesta quinta-feira (10) com 2 quilos de maconha do tipo sku...
Mulher é presa com 15 kg de maconha tipo skunk no Monte Pascoal Jocilane Dantas Castilho, 29, foi presa nesta segunda-feira com 15 kg de maconha na sua residência após denúncia pelo WhatsApp. Foto: Divulgação PC-AMA doméstica Jocilane Dantas Castilho, 29, foi presa nesta segunda-feira (7) por tráfico de drogas, na casa onde morava, ...
Denarc apreende 160 kg de drogas em quarto usado como laboratório de refino na Cidade Nova Por WhatsApp, Denarc recebeu denúncia e chegou ao local onde funcionava laboratório de drogas. No endereço, na Cidade Nova, estavam escondidos 160kg de pasta base, cocaína e maconha. Uma mulher foi presa durante a ação. Fotos: Divulgação PC-AMKedima Sales do Nascimento,...
PF apreende 370kg de maconha avaliada em R$ 3 milhões Droga apreendida está avaliada em R$ 3 milhões. Parte estava num veículo e outra num sítio, no meio da mata. Foto: DivulgacãoA Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) da Polícia Federal do Amazonas fez a apreensão de 370 quilos de maconha tipo skunk, nesta quinta-f...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook