Polícia Federal apura 18 notícias-crimes em Manaus e mais 5 Municípios. Há denúncias de transporte ilegal e compra de votos

O delegado Marcelo Bertolucci, que pela primeira vez está numa eleição no Amazonas, é chefe da Unidade de Repressão a Crimes Eleitorais da PF. Cidades com notícias-crime investigadas são Manaus, Parintins, Tefé, Maués, São Gabriel da Cachoeira e Nhamundá. Foto: PMS

A Polícia Federal recebeu, até às 14h deste domingo, durante o segundo turno do pleito suplementar ao Governo do Amazonas, 18 notícias-crimes, que estão sendo apuradas, passando pela fase de formalização, mas sem nenhuma prisão em flagrante nem Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) lavrado, incluindo boca de urna, transporte ilegal de eleitores e compra de votos.

As informações são do delegado Marcelo Bertolucci, chefe da Unidade de Repressão a Crimes Eleitorais da Diretoria de Combate ao Crime Organizado da Polícia Federal. “Dentro das atribuições de Polícia Judiciária e Eleitoral no pleito, posso dizer que nas 12 eleições que trabalhei, o Amazonas, hoje, está tendo um sufrágio muito calmo. A praxe é ter centenas de ocorrências. Estamos em céu de brigadeiro”, falou Bertolucci.

Neste sábado (26), a Polícia Federal fez duas ações no interior a partir de denúncias. Em Balbina, em Presidente Figueiredo, policiais atenderam ocorrência de possível compra de votos e transporte de dinheiro, o que não foi confirmado no local.

Na mesma noite, a PF representou ao juiz eleitoral para realizar busca e apreensão numa festa promovida por um vereador, de nome não divulgado, que estava fazendo distribuição de requisições de combustível. As requisições de 5 litros, 10 litros e 20 litros foram apreendidas. Não foi informado quantas requisições foram apreendidas numa propriedade na AM-240.

Atuação

Com aproximadamente 300 homens da PF no Estado todo, atuando em 16 Municípios e na capital. As equipes em geral são formadas por um delegado, um escrivão e agentes. Segundo Bertolucci, existem inquéritos formais em andamento referentes ao primeiro turno de delitos eleitorais.

Após o inquérito policial e eleitoral ser formalizado, a PF tem 30 dias para concluir, podendo ser encaminhado para o juízo eleitoral solicitando mais prazo ao Ministério Público, para complementar as diligências necessárias num prazo máximo de 60 dias.

Veja também

Emissão de passaporte exigirá menos documentos A partir de dezembro, o cidadão que for tirar o passaporte precisará apresentar um número menor de documentos. A dispensa dos comprovantes de quitação eleitoral, de serviço militar e do comprovante de pagamento da taxa começará a ser implementada gradualmente a partir do...
PF faz apreensão de 47 peixes ornamentais e 6 arraias em mala no aeroporto internacional Peixes ornamentais e arraias estavam embalados individualmente em sacos plásticos na mala do infrator, que pegaria um voo para o Pará. Fotos: PF-AMDurante fiscalização de rotina no aeroporto internacional Eduardo Gomes, a Polícia Federal prendeu uma pessoa em flagrante,...
Trio é preso por contrabando com mais de 1.000 carteiras de cigarro no Centro Trio foi detido por policiais civis, após denúncia, e encaminhado para Polícia Federal, em razão do crime de contrabando. Foto: DivulgaçãoUm trio foi detido em flagrante por contrabando, com 1.030 carteiras de cigarros de diversas marcas, e R$ 14.309, em espécie, durant...
PF apreende 4 kg de maconha tipo skunk com passageiro que viajaria para SP Droga foi apreendida com um homem, de nome não divulgado pela PF, no aeroporto internacional Eduardo Gomes. Fotos: Divulgação DRE-AMCom destino final em São Paulo, um homem foi preso em flagrante, nesta quinta-feira (23), por tráfico de drogas, quando tentava embarcar e...
Um homem é preso em Tabatinga durante Operação Mundurucus por tráfico internacional Operação Mundurucus cumpriu mandados de prisão e busca e apreensão em três Estados. No Amazonas, em Tabatinga, uma pessoa foi presa e outras 10 em Belém. Foto: Divulgação Um homem foi preso em Tabatinga (distante 1.108 quilômetros de Manaus) acusado de integrar uma red...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook