Arthur entra no debate direto com Doria e em entrevista ao UOL afirma que PSDB está “petrificado”

Prefeito de Manaus volta a criticar imagem que Doria e Alckmin tem, principalmente, das regiões Norte e Nordeste. Arthur Virgílio Neto se lançou para concorrer às prévias do PSDB para indicar o nome que vai concorrer à Presidência da República em 2018. Foto: Arquivo

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), ocupa neste domingo (8) a mídia nacional, com grande entrevista no portal UOL, falando sobre sua decisão de ser presidente da República nas eleições de 2018.

Nas últimas semanas, o tucano anunciou o desejo de participar das prévias do partido, que considera “petrificado”, buscando quebrar a polarização interna no ninho da sigla entre os presidenciáveis governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e do prefeito da capital paulista João Doria.

Na entrevista, o prefeito mostra-se intenso e pronto para enfrentar o antigo rival político, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Durante o mandato de senador, de 2003 a 2011, Arthur foi um dos mais ferrenhos críticos de Lula. O tucano, que está no segundo mandato consecutivo à frente da Prefeitura de Manaus, disse que o senador Aécio Neves não tem mais condição de seguir à frente da presidência do PSDB.

Ele chamou Alckmin e Doria de “paulistocêntricos” e falou que o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC), um nome na corrida presidencial, é “fascista” e “homofóbico”.

Sobre o partido nacionalmente, o tucano enxerga um PSDB mais do que rachado, mas sim petrificado, especialmente vivendo de mitos de que as denúncias de corrupção que atingiram as siglas ao redor, não teriam “tocado” o ninho tucano.

Sobre Doria, que cita que faz campanha até mesmo durante a semana, viajando de Norte a Sul do País, Arthur alfineta falando que ele usa uma estratégia caduca como marketing. “Vai a festas populares, como foi ao Círio, em Belém, naquele clima velho de se unir aos ícones da tradição. Ele vai segurar a corda? Ele não tem uma vitrine correta para o Brasil, disse durante a entrevista ao UOL.

Para o prefeito, Doria ainda comete outro erro na estratégia, de fazer anúncios e promessas, como o fim das filas no atendimento de saúde na rede municipal de São Paulo, mas nada aconteceu. O tucano lembra que Doria já anunciou outro programa, de privatizações: “Não há solidez jurídica sobre o que ele está falando. É coisa par ir para o Twitter e pras redes sociais”, comentou.

Questionado sobre o motivo de se lançar como uma terceira via dentro do partido, Arthur Virgílio Neto explica que, em primeira lugar, quer prestar serviço ao país, e à Região Norte, que sempre fica em um plano bem secundário na “visão de quem governa a partir de São Paulo”, disse na entrevista.

E sobre falar sério sobre segurança, observando o caso do Estado do Rio de Janeiro, o prefeito de Manaus confia desarmar o discurso de Jair Bolsonaro. “Há um espaço enorme para crescer na medida em que a gente explicar tudo o que se pensa de verdade”, responde ao UOL.

A visão que chama de “paulistocêntrica” de Alckmin, que inclusive já teve Ações Diretas de Inconstitucionalidade (Adins) na guerra fiscal, que inclui o Amazonas, é vista como negativa por Arthur. “Ele não entende de Amazônia. É cafona não entender de Amazônia. O Alckmin precisa ser beliscado e acordar para as regiões Norte e Nordeste. Eles não olham”, fala o prefeito, ao ser questionado sobre o governador de São Paulo.

Sobre o Governo Temer, o tucano que governa Manaus afirma que ele está mal politicamente, mas que as soluções práticas à vista – como adiar reformas e colocar Rodrigo Maia no poder -, não são garantia de travessia econômica segura para 2018, depois de todos os revezes de 2016 e 2017.

Arthur não vê Temer como a pessoa correta para fazer essa travessia, mas que está “lá por acaso”, como acontecer com Itamar Franco, José Sarney e Fernando Henrique Cardoso. “Se derrubarmos todos, com que Brasil vamos chegar em 2018? A situação é muito grave. No dia em que o (Henrique) Meirelles acordar e pensar que já está de saco cheio, for embora e levar a equipe econômica embora, o que vai acontecer? Eu olho pro Brasil e vejo um cenário muito grave”, responde ao UOL.

Veja também

Arthur Virgílio revela que recusou ligações do governador Alckmin e anuncia que distrito industrial ... Arthur Virgílio revela que recusou ligações do governador Alckimin e diz que, segunda-feira, se estiver melhor, poderá atender. Os dois disputam a candidatura do PSDB a presidente da RepúblicaO prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, voltou a criticar as prévias inter...
Arthur Virgílio Neto tem 27,9% da preferência entre eleitores tucanos Prefeito de Manaus e pré-candidato na eleição prévia do PSDB para escolha do presidenciável tucano, Arthur Neto aparece com 27,9% da preferência do eleitorado do PSDB. Foto: DivulgaçãoO prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, que é pré-candidato na eleição prévia do P...
Prefeitura cumpre acordo e paga data-base 2017 de mais de 27 mil servidores O prefeito Arthur Neto disse que após enfrentar a crise chegou o momento de valorizar o servidor público municipal. Foto: Marinho Ramos/Secom. Mais de 27 mil servidores da Prefeitura de Manaus, de sete categorias, incluindo a área não específica, já receberam em seus venci...
Arthur lança o movimento “Vamos discutir o Brasil”, no Rio de Janeiro O prefeito de Manaus e pré-candidato à presidência da República, Arthur Virgílio Neto, apresentou, nesta segunda-feira, 29/01, o tema ‘Gestão pública e responsabilidade fiscal’, no auditório da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), no Rio de Janeiro. Durante o evento,...
Terminal da Constantino será interditado para revitalização. Veja croqui com mudança nas linhas de ô... Prefeito esteve pessoalmente participando do início dos trabalhos de limpeza de estruturas do terminal: "estamos preparando um ambiente limpo, mais confortável para o usuário. Não vai ficar lindo, mas vai ficar bom”. Fotos: Mário Oliveira/ SemcomDa madrugada deste sábad...

3 comentários para “Arthur entra no debate direto com Doria e em entrevista ao UOL afirma que PSDB está “petrificado”

  1. O Brasil tem jeito, se entrar um Militar linha dura!
    Quanto a velha guarda, preciso ver acontecer.

  2. Eduardo disse:

    Quem é Artur Neto? O que faz? Onde mora? prefeito de onde? Sou manauara e não vejo esse cara, nem ouço falar e ISSO quer ser presidente????????????????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook