Gestores apresentam ações estratégicas para o PPA 2018-2021

O quinto e último workshop do projeto Manaus 2030, no qual os gestores apresentaram as ações estratégicas dentro do Plano Plurianual (PPA) do Município, no quadriênio 2018-2021, foi realizado nesta terça-feira, 10/10. Durante dois meses, gestores e comitês de planejamento participaram de quatro workshops em que foram definidas as prioridades de gestão do município para os próximos 12 anos.

O encontro marca um significado extraordinário dentro da Prefeitura de Manaus, conforme destacou a titular da Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad), Luiza Bessa Rebelo.

“Esse quinto workshop é o fechamento de todas essas etapas que estão sendo construídas há mais de dois meses. Teve um momento em que cada um destacou suas ações. Cada secretaria priorizou suas ações dentro das suas finanças e é o que o prefeito vem chamando de Responsabilidade Fiscal”, comentou Luiza, lembrando, ainda, que a Prefeitura de Manaus garantiu o primeiro lugar em Responsabilidade Fiscal do País, segundo a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).

Para o secretário da Secretaria Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (Semef), Lourival Praia, é importante discutir a aplicação do real pelo governo municipal. “Quando você já tem o planejamento estratégico, você já sabe onde aplicar esses recursos. Nós estamos trabalhando de forma organizada, pensando numa gestão fiscal responsável e também pensando numa melhor aplicação dos recursos públicos”, salientou.

Manaus 2030

O Projeto Manaus 2030, envolve a construção do Planejamento Estratégico para os próximos 12 anos, que nortearão três Planos Plurianuais do município. O projeto define prioridades para 2018-2021, 2022-2225 e 2026-2030. “A Prefeitura trabalha e projeta o futuro pensando a cidade num longo prazo, dentro do orçamento que a cidade tem, contemplando os recursos do tesouro, de captação de organismos internos, parcerias público-privadas, isto é, trabalhando com o concreto, com os pés no chão”, pontuou Luiza Bessa Rebelo.

Veja também

Com 2 mil vagas, UnATI abre calendário de matrículas A partir da próxima terça-feira (27), a Universidade do Estado do Amazonas (UEA), por meio da Universidade Aberta da Terceira Idade (UnATI), abre inscrições para mais de 40 modalidades de cursos e oficinas para o primeiro semestre de 2018. Serão ofertadas um total de 2 mil v...
Campeonato Amazonense de Luta Olímpica será neste sábado na Vila Olímpica de Manaus O Campeonato Amazonense de Wrestling é o evento que abre o calendário deste ano da FALLE . Foto: DivulgaçãoA Federação Amazonense de Luta Livre Esportiva e Olímpica (FALLE) realizará, neste sábado (24), o Campeonato Amazonense de Luta Olímpica Cadete e Junior, a partir ...
Empoderamento feminino e luta por igualdade são temas do ‘I Fórum Regional de Mulheres no Hip ... O “I Fórum Regional da Frente Nacional de Mulheres no Hip Hop” que será realizado pelo Coletivo Ocupaminart e pela Frente Nacional de Mulheres no Hip Hop, com apoio da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), traz o tema Empoderamento feminino e luta por igualdade, no fim ...
Vírus do sarampo em Roraima é o mesmo da Venezuela, diz diretor da FVS A confirmação da doença em uma criança da Venezuela, no dia 11/02, por profissionais da Fiocruz, rompeu um quadro epidemiológico estável no Brasil. Foto: DivulgaçãoO diretor-presidente da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS), Bernardino Albuquerque, declaro...
Peças típicas de dez países estarão em exposição na Feira Volta ao Mundo, a partir desta sexta A Feira Volta ao Mundo é considerado o mais importante evento do setor de artesanatos internacionais. Foto: DivulgaçãoA Feira Volta ao Mundo, com exposição de artesanatos originais e tradicionais de 10 países - Índia, Turquia, Indonésia, Paquistão, Egito, Líbano, Rússia...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *