MP-AM pede à Justiça R$ 500 mil de posto onde ANP constatou 15 litros a menos de combustível ‘fora das especificações’

Novos proprietários havia adquirido o posto pouco antes da fiscalização da ANP e decidiram reformá-lo

O portal constatou que o posto foi reformado e está funcionando regularmente com a bandeira Shell

O Portal do Marcos Santos teve acesso a documentos da Agência Nacional de Petróleo (ANP) que esclarecem dúvidas sobre processo contra posto de combustíveis, localizado na rua Itaúba, Jorge Teixeira, Zona Leste. A informação sobre o caso foi publicada no portal (veja aqui).

O Ministério Público do Amazonas, alegando que o posto comercializou “combustível adulterado”, propõe Ação Civil Pública, por danos morais coletivos, com indenização de R$ 500 mil. O dinheiro seria revertido para o Fundo Estadual de Defesa do Consumidor (Fundecon).

Ocorre que a empresa proprietária do posto, a Amazon Combustíveis para Veículos e Construções Ltda., apresentou os autos de infração e de lacre dos tanques onde estavam os 5 mil litros de gasolina “fora das especificações”.

No dia 19/01/2012, Lúcio Vasconcelos, agente de fiscalização da ANP, encontrou a irregularidade e lacrou o tanque com os 5 mil litros. No dia 08/02/2012, ao fazer a verificação no local interditado, para desinterdição, a fiscalização constatou que os lacres não haviam sido violados e havia 4.985 litros neles, ou seja, apenas 15 litros a menos. Muito pouco para justificar R$ 500 mil de indenização, provavelmente evaporados ou fruto de diferenças de aparelho medidor.

 

Diferença técnica

“Há uma diferença grande entre ‘combustível adulterado’, que é aquele com algum elemento não previsto na composição legal do produto em prejuízo do usuário, e o ‘fora das especificações’, aquele que tem algum percentual de um ou outro elemento previsto, acima ou abaixo do requerido, que foi o caso”, explica o advogado da Amazon Combustíveis, Antônio Sampaio.

A empresa havia adquirido o posto há pouco tempo. Tanto que os autos da ANP afirmam que ele era “bandeira branca”, isto é, não estava filiado a nenhuma distribuidora. “Resolvemos fechar e reformar o posto inteiro, que hoje está funcionando regularmente com a bandeira Shell”, disse o advogado.

O processo tem audiência marcada para o dia 07/10, às 9h30, na 4ª Vara Cível e de Acidentes de Trabalho, no Fórum Henoch Reis. “As multas foram pagas, o posto reformado e temos clientes satisfeitos, sem nenhum incidente posterior, sendo atendidos regularmente. Creio que o problema está superado”, disse Antônio Sampaio.

Veja as cópias dos documentos de fiscalização da ANP:

Veja também

Orquestra Barroca apresenta miniópera ‘Les Plaisirs de Versailles’, com entrada franca, no Palácio R... A Orquestra Barroca do Amazonas (OBA) encerra suas atividades no ano de 2017 com a apresentação da miniópera “Les Plaisirs de Versailles” neste sábado (16/12), às 18h, no Centro Cultural Palácio Rio Negro, no Centro. A apresentação tem entrada gratuita e conta com o apoio ...
Reunião do CAS em Rondônia avalia mais de US$ 330 milhões em investimentos   A Suframa tem superintendente interino desde outubro de 2014O Conselho de Administração da Suframa (CAS) realiza nesta quinta-feira (14), às 10h, no auditório da Governadoria, no 9º andar do Edifício Pacaás, no Palácio Rio Madeira, em Porto Velho (RO), a sua 281ª Reuniã...
Evandro Melo, Pedro Elias, Wilson Alecrim, Raul Zaidan e empresários são alvos de nova fase da Maus ... Evandro Melo, irmão do ex-governador José Melo e ex-secretário estadual de Administração, é um dos implicados na nova fase da Maus CaminhosEx-secretários de Saúde do Amazonas e empresários com ligação ao médico Mohamad Moustafa são alvos de operação da Polícia Federal. ...
Mulher atravessa rua correndo em frente à Fametro e agoniza em cima de carro, após atropelamento. Ve... Atropelamento deixou vítima estendida em cima do capô do carro, esperando atendimentoUma mulher, que parecia fugir de um homem, atravessou a Constantino Nery correndo e foi atropelada, em frente à Fametro. Identificada apenas como Jenifer, parecia desesperada, segundo t...
Adaf inicia vacinação em bovinos e equídeos contra raiva em Novo Airão e Barcelos nesta quarta-feira... Ao todo mil doses de vacinas foram encaminhadas para Novo Airão e 200 para Barcelos. Foto: ArquivoDentro do trabalho de defesa à saúde animal, o novo governo do Amazonas, por meio da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas (ADAF), órgão vinculado ao Siste...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *