Novos líderes da facção criminosa FDN, ligados a “João Branco” e “Zé Roberto”, tem prisão preventiva decretada e baixam para o presídio

Justiça do Amazonas transformou as prisões em flagrante em preventivas, e grupo ligado à facção criminosa FDN foi para presídios do Amazonas. Fotos: Divulgação PC-AM

Os quatro novos nomes da cúpula da facção criminosa Família do Norte (FDN) tiveram a prisão preventiva decretada pelo juiz plantonista Eliezer Fernandes Júnior, após audiência de custódia do Tribunal de Justiça do Amazonas.

Josué Moraes de Almeida, 29, Alan Sérgio Martins Batista, Edson Benedito da Silva, 40, e Messias Rocha de Araújo, 20, foram presos na última terça-feira, em um sítio de luxo no KM 60 da rodovia AM-010, perto do município de Rio Preto da Eva (distante 58 quilômetros de Manaus), com uma pistola ponto 40, uma pistola calibre 380, um revólver calibre 38, dois rifles, além de cadernos com a contabilidade do tráfico de drogas na capital.

Todos tiverem as prisões em flagrante convertidas em preventivas, e foram encaminhados a presídios da capital. O grupo de alta periculosidade estava sendo investigado por equipes do 23º Distrito Integrado de Polícia (DIP), e segundo o delegado titular Cícero Túlio, movimentava até R$ 3 milhões por mês com o tráfico de drogas, faturando liquidamente R$ 670 mil. A quadrilha também negociava armas com outros estados, inclusive compra de fuzil.

Os quatro homens comandavam as operações da FDN de fora dos presídios, sob o comando dos narcotraficantes líderes da facção, João Pinto Carioca, o “João Branco”, e José Roberto Fernandes, o “Zé Roberto da Compensa”. A contabilidade do tráfico era feita em um condomínio de luxo nas proximidades do 23º DIP, no Parque Dez, zona Centro Sul.

De acordo com investigações da Polícia Civil, Alan e Josué seriam os novos líderes da facção, coordenando o esquema de distribuição de entorpecentes e cumprindo as ordens da FDN. Josué foi apontado como um dos cabeças do tráfico na zona Sul, segundo informações do Departamento de Repreensão ao Crime Organizado (DRCO).

Josué comandou os chamados “soldados” do bonde de “João Branco” no Morro da Liberdade, Igarapé do 40, Crespo e Betânia. A disputa na área envolvia execuções, que já passariam de 56 mortes, e briga pelo domínio contra outro traficante de alta periculosidade, Kaio Wellington, o “Mano Kaio”, que está preso no Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

Delegado Cícero explicou que investigação começou há mais de 20 dias com a suspeita de que Alan e Josué seriam os novos líderes da facção. Josué é apontado por chefiar o tráfico na zona Sul

Veja também

Policiais da Base Anzol fazem apreensão de 1 kg de cocaína disfarçada em pirulitos em Tabatinga Equipes da Base Anzol da PF fizeram a apreensão de 1 kg de pasta base de cocaína disfarçada em pirulitos no setor de encomendas de um barco que passou por revista no sábado. Foto: DivulgaçãoEquipes da Base Anzol da Polícia Federal, montada em Tabatinga (distante 1.108 q...
Dois irmãos e um primo são executados por envolvimento com tráfico de drogas na zona Sul Triplo homicídio de dois irmãos e um primo teria como motivação o tráfico de drogas na zona Sul. Homens foram mortos na rua Maria Andrade, na Betânia. Fotos: DivulgaçãoOs irmãos Lucieverton Pedrosa de Lima e Lucierick Pedrosa de Lima, e mais o primo e Rafael Coelho de L...
Rocam prende quadrilha do tráfico com 15,5 kg de maconha e munições Quadrilha que estava com 15,5 kg de maconha e munições foi detida a partir de denúncia feita à Rocam, na noite desta terça-feira no Jorge Teixeira. Foto: DivulgaçãoClicia da Silva Albuquerque, 22, Helio Junior Rebelo de Oliveira, 43, Eloidis Melgueiros de Lima, 31, e Cl...
Em duas tacadas, Polícia Civil tira do mercado 100 kg de maconha tipo skunk avaliados em R$ 400 mil Quatro pessoas foram presas com mais 30 kg de maconha tipo skunk, no bairro Crespo, em desdobramento de investigação de grupo que transporta e distribuiu drogas pela rota Tefé-Manaus. Foto: Divulgação PC-AMFernando Rubens Costa Lima, 29; Luciana da Silva Rodrigues, 33; ...
Rota do tráfico Tefé-Manaus tem mais uma baixa: 70 kg de maconha apreendidos no porto Equipes da Polícia Civil e de Inteligência chegaram até a droga, embarcada de Tefé para Manaus, a partir de denúncia. Foto: DivulgaçãoA rota do tráfico de drogas Tefé-Manaus teve mais uma baixa neste domingo (15): aproximadamente 70 quilos de maconha do tipo skunk foram...

Um comentário para “Novos líderes da facção criminosa FDN, ligados a “João Branco” e “Zé Roberto”, tem prisão preventiva decretada e baixam para o presídio

  1. andrade disse:

    QUAL SERÁ OGRANDE MISTÉRIO DA IMPRENSA EM GERAL, TV, JORNAIS, BLOGS, PORTAIS, QUENÃO CONSEGUEM MOSTRAR A CARADOS BANDIDOS PRESOS ? SE VISTOS, CERTAMENTE A POPULAÇÃO IRÁ CONTRIBUIR DENUNCIANDO-OS SOBRE DELITOS QUE CERTAMENTE NÃO CONFESSARÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook